Fim da Era Renatão

Estava imitando o Luis Felipe, escrevendo um texto TRAGICÔMICO sobre o Grêmio de Julinho Camargo.

Mas, quando escutei que o EDILSON estava entrando no time, aos 33 minutos do segundo tempo, nós perdendo por 2 a 0, perdi o estômago.

Na boa, torço muito pra que Julinho Camargo seja maior que foi Renato. Em tudo. Se ele nos levar ao título do Brasileiro, da Libertadores, do Mundo, ou se devolver pelo menos uma Copa do Brasil, vou pra Porto Alegre beijar os pés dele.

Seguimos sem zaga. Rafael Marques não serve pra ser gandula, muito menos pra comandar uma defesa de guris.

Julinho, quando teve que mexer, mostrou que conhece tanto do elenco quanto eu conheço de motores a vácuo. Tirar os dois meias DE VEREDA e colocar PESSALI pra armar um time inteiro é, no máximo, atirar o piá na frigideira. Tava na cara que ele não resolveria sozinho o problema do meio.

E o Douglas NÃO DEVE JOGAR. É muito vadio. Não marca.

Mas o Grêmio agora vai ser GUERREIRO, IMORTAL! O Julinho vai fazer os caras comerem grama. Julinho é ESTRATEGISTA. Julinho é o novo Mourinho.

Douglas vai pro banco (e ano que vem vai embora). Escudero vai comandar la revolución. Rafael Marques vai se transformar num RINOCERONTE na zaga. Pessali será o novo Arílson. E Edilson dará a volta por cima, receberá todas as chances e se transformará no novo Arce, ou no novo Paulo Roberto.
E o fim da Era Renatão se transformará na Era Julinho, el capitán de la imortalidad!

About the author

Grenalzito Corp

13 Comments

Click here to post a comment

Recordar é viver

Categorias